Um novo ano se inicia, logo, novas estratégias e metas precisam ser traçadas – uma alternativa para as empresas para se diversificar e destacar-se no mercado é a exportação de seus produtos. A exportação precisa ser olhada com atenção pelas empresas, pois pode se tornar um grande aliado dos negócios, desde que todos os passos sejam seguidos da melhor maneira. A seguir, você irá conhecer 4 importantes motivos para iniciar o ano de 2020 pensando em exportar:

  • Maior Competitividade

O ganho de competitividade se dá pelo fato de que a empresa irá se inserir em um novo mercado, com uma economia distinta do seu país – gerando novas expectativas de ganho e recursos financeiros que permitem utilizar de novos alternativas para aprimorar a produção e investir internamente.

Além disso, é importante ressaltar que o mercado Brasileiro vive atualmente um cenário vulnerável economicamente e politicamente, portanto, o consumo do mercado interno passa a ser prejudicado. Este fato aliado com a alta do Dólar Americano, abre ainda mais portas para iniciar a expansão pelo mundo.

  • Diversificação de mercados

A diversificação de mercados torna-se um aliado da empresa, pois viabiliza que o produto possa ser consumido / vendido a qualquer época do ano, sem ser dependente de nenhuma época específica do ano para alavancar as vendas. Além disso, aumenta a carteira de clientes e permite a inovação, o contato com novos perfis de negócios, aprendizado de novas línguas e culturas, além de estimular os funcionários a buscar sempre novos conhecimentos.

  • Minimizar os impactos nas oscilações do mercado nacional

Ao iniciar a exportação, a empresa diversifica mercados, por consequência disso, tem porta de entrada para novos negócios – não dependendo mais de um mercado e da condição econômica deste. Quanto mais países com vendas concretizadas e quanto mais eles forem, menores serão os riscos para a sua empresa – isto se dá pelo fato de aproveitar grande quantidade de condições econômicas favoráveis. O Brasil atualmente passa por um período de incertezas, onde o desemprego aumenta e os investimentos são repensados – mas se ocorrer da maneira certa, atendendo todos os requisitos, a exportação é de fato a estratégia mais forte para driblar este cenário conturbado.

  • Incentivos e benefícios fiscais e financeiros e redução de carga tributária

Quando a empresa realizar a formação de preço dos produtos para a exportação, é importante ter ciência sobre a não-incidência de alguns impostos internos, respeitando assim as regras internacionais.

Os incentivos fiscais eliminam os tributos incidentes sobre os produtos nas operações normais de mercado interno, contribuindo para gerar mais competitividade.

Na exportação é relevante que o produto seja competitivo, tenha a estratégia correta de inserção e ganhe mercado.

Quer ser mais competitivo? Ganhar mercados e transpor fronteiras?

Na Growover estamos a total disposição para auxilia-los neste trajeto. Auxiliamos empreendedores a expandir sua participação no mercado exterior.

Contate-nos!

info@growover.com.br